Em nova fiscalização, Cremesp aponta irregularidades no Hospital de Campanha de Guarulhos

O Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo esteve, no dia 4 de junho, no Hospital de Campanha de Guarulhos, para verificar as condições em que a unidade está operando. A vistoria resultou numa série de irregularidades que coloca em risco pacientes confirmados e suspeitos de covid-19, além de médicos e profissionais da saúde que trabalham no local diariamente para salvar vidas.
Leia mais

Prevenção das Lesões Cutâneas pelo uso de EPIs e Manifestações Dermatológicas na Covid-19

Imagens de médicos com marcas na face causadas pelo uso de máscaras, óculos e outros equipamentos de proteção individual (EPIs) rodaram o mundo como um dos símbolos dos esforços do pessoal da Saúde no atendimento aos pacientes com covid-19. Esse é um dos aspectos importantes da pandemia, e, por isso, a aula Prevenção de Lesões Cutâneas pelo uso de EPI, ministrada em 15 de junho, fez parte do ciclo de palestras online do Cremesp.
Leia mais

Médicos de São Paulo terão acesso à plataforma de Medicina baseada em evidências

O Cremesp está disponibilizando a todos os médicos registrados em SP a plataforma de suporte à decisão clínica baseada em evidências. É da mesma empresa do UpToDate. Entre as funcionalidades estão também calculadoras médicas, imagens, vídeos de procedimentos e muito mais! Acesso pela área do médico e também aplicativos.

5Minute Consult

Mais informações, clique aqui

Cremesp encontra mais irregularidades no hospital de campanha do Anhembi

O Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo (Cremesp) concluiu, nesta segunda-feira (22), o relatório de fiscalização do Hospital Municipal de Campanha do Anhembi. A segunda etapa da fiscalização envolvendo o hospital foi feita em área administrada pela Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina (SPDM).

Leia mais

Fenômenos Tromboembólicos na Covid-19

Um assunto desafiador e essencial para o enfrentamento médico à covid-19 foi inserido no ciclo de palestras on line organizado pelo Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo (Cremesp) e apresentado no dia 29 de maio: qual é o papel dos fenômenos tromboembólicos na nova doença? Para defendê-lo participou o hematologista Antonio Brandão, que atua em centros como Hospital das Clínicas, e Beneficência Portuguesa. De uma forma didática, o médico dividiu sua apresentação em tópicos, como Fisiopatologia, Manifestações clínico-laboratoriais, profilaxia e tratamento, e take home message.

Leia mais

Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo encontra irregularidades no Hospital de Campanha do Anhembi

No último dia 21 de maio, o Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo (Cremesp) esteve no Hospital de Campanha Anhembi (IABAS) para uma fiscalização das condições de funcionamento e identificou uma série de irregularidades, que comprometem o trabalho dos profissionais da saúde que atuam no local e colocam em risco a vida dos pacientes encaminhados para a unidade em questão.

Leia mais

Infarto Agudo do Miocárdio em pacientes com Covid 19

O Coronavírus é uma pandemia que tem afetado milhões de pessoas ao redor do mundo, sobrecarregando o sistema de saúde mundial como um todo. Desde os primeiros dados catalogados na China, a elevação da Troponina tem sido implicada com lesões miocárdicas e está intimamente associado ao aumento da mortalidade.

Uma grande proporção desses pacientes afetados com maior gravidade apresentam doença cardiovascular prévia ou fatores de riscos cardiovasculares. A injúria miocárdica em pacientes com COVID-19 pode se dever devido a ruptura de uma placa já existente, a tempestade de citocinas,  injúria por hipóxia(alta demanda metabólica e baixa reserva cardíaca) , espasmo coronariano, trombose ou lesão no próprio endotélio.

Leia mais

Coronavirus e suas implicações ao sistema cardiovascular

A pandemia por coronavírus-2019 (COVID-19) é caracterizada por uma doença infecciosa aguda que pode levar a uma grave pneumonia e síndrome da angústia respiratória aguda, podendo também apresentar manifestações extrapulmonares e outras complicações. Uma grande proporção de pacientes tem doença cardiovascular subjacente e/ou fatores de risco cardíacos, que se associam à alta morbimortalidade, como sexo masculino, idade avançada e presença de hipertensão arterial, diabetes mellitus, doença arterial coronariana, insuficiência cardíaca e doenças cerebrovasculares, e que tem implicações significativas nesse grupo de indivíduos. Primeiro, aqueles com COVID-19 e doença cardiovascular preexistente têm um aumento do risco de agravamento e morte. Segundo, a infecção tem sido associada a múltiplos fatores diretos e indiretos para complicações cardiovasculares, incluindo lesão aguda do miocárdio como miocardite, síndrome coronariana aguda das mais diferentes formas de apresentação, exacerbação de insuficiência cardíaca, arritmias e tromboembolismo sistêmico. Terceiro, as terapias sob investigação para COVID-19 podem ter efeitos cardiovasculares adversos. Quarto, a resposta ao COVID-19 pode comprometer a triagem rápida de pacientes não-COVID-19 com condições cardiovasculares agudas. Finalmente, a prestação de cuidados cardiovasculares pode colocar a saúde dos profissionais em posição de vulnerabilidade  à medida que se tornam hospedeiros ou vetores de transmissão de vírus.

Leia mais

Em resposta ao Cremesp, Ministério da Saúde esclarece que não há obrigatoriedade de registro na ação estratégica disposta na Portaria nº 639

Os inúmeros questionamentos demandados pelo Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo (Cremesp), por meio de ofícios enviados ao Ministério da Saúde (MS), relativos à Portaria nº 639, de 31 de março, que dispõe sobre a ação estratégica “O Brasil Conta Comigo — Profissionais da Saúde”, fez com que o órgão se posicionasse, através da Nota Técnica nº 396/2020.

Leia mais

Relação entre olfato e COVID-19 nos profissionais de saúde

Estamos realizando esta pesquisa para entender melhor a relação entre a infecção pelo novo coronavírus e os distúrbios de olfato no grupo de profissionais de saúde, os quais são expostos a maior carga viral que a população geral. Leia mais